Visto Americano de Turista: o que é permitido fazer nos EUA?

A crise econômica (e moral) que atinge o Brasil está gerando uma nova onda migratória para os Estados Unidos. Qualidade de vida, educação e, sobretudo, segurança, são os principais fatores que fazem com que, cada dia mais, cidadãos brasileiros solicitem o visto americano de turista e embarquem, literalmente, em busca de uma vida melhor na América.

A grande maioria entra no país portando o visto americano de turista, cujo período de permanência é limitado e determinado pelos oficiais do Departamento de Segurança Nacional (DHS), e pelos Oficiais do Serviço de Alfândegas e Fronteiras (CBP – Customs and Border Protection) no primeiro porto de entrada do viajante nos Estados Unidos. Falamos sobre isto no post Visto x Período de Permanência.

O que é permitido fazer nos EUA com o visto americano de turista
Imagem: ©Erikaalvesm0 (pixabay.com)

Quem ultrapassa o período de permanência no país passa a ser considerado ilegal e, consequentemente, fica sujeito às penalidades previstas na lei de imigração americana que inclui, inclusive, a deportação.

É importante lembrar, também, que a pessoa que extrapola o prazo de permanência no país e, posteriormente, decide sair de forma espontânea, pode ser proibido de retornar aos Estados Unidos por, no mínimo, 3 (três) anos ou, em alguns casos, definitivamente.

Por isto, conforme explica a advogada brasileira Renata Castro, é muito importante ficar atento ao que é permitido ou não aos portadores do visto americano de turista, uma vez que, “o mesmo é limitado em escopo de permissão e pode resultar em punições severas àquele que viola suas regras”.

Visto Americano de Turista: o que pode e o que não pode fazer!

Para ajudá-lo a entender melhor a questão, preparamos duas tabelas com um resumo do que pode ou não pode fazer um portador do visto americano de turista nos Estados Unidos.

PODE Observação
  • Comprar casa, carro, barco, moto e qualquer outro tipo de propriedade
  • Ser dono de empresas,
mas não pode estar diretamente envolvido na gestão do negócio em atividades cotidianas, como atender telefonemas, processar pedidos de vendas, prospectar clientes de maneira sistemática, para citar alguns exemplos;
  • Casar-se nos Estados Unidos
  • Obter financiamento imobiliário
  • Obter seguros de vida, saúde ou automobilístico
Não existe nenhuma lei que proíba tal coisa

 

NÃO PODE
Observação
  • Trabalhar, mesmo recebendo em dinheiro (cash) , trabalho informal, ou como independent contractor!
Isso constitui violação automática do visto e já caracteriza ilegalidade para o portador do visto, mesmo que o visto ou I-94 estejam válidos!
  •  Estudar em escolas públicas!
Apesar do sistema de ensino aceitar a matrícula do aluno, a prática é ilegal e viola os termos do visto, podendo levar a proibição de reentrada no país, ou em casos extremos a deportação;

Segundo a advogada Renata Castro, com o avanço da tecnologia e a consequente integração dos sistemas de informática, os agentes da imigração conseguem ter livre acesso às páginas de mídias sociais (mesmo as que são privadas), celulares e laptops dos viajantes e, com base nas informações encontradas, podem barrar a entrada dos portadores do visto americano de turista.

Em fronteiras (aeroportos, portos, e qualquer local que fique a 20 milhas de qualquer área fronteiriça como praias, por exemplo) a polícia norte-americana goza de poderes que vão além dos resguardos constitucionais fora dessas áreas. Essa expansão de poderes faz com que procedimentos de busca e apreensão sejam conduzidos de maneira menos sistemática, expondo assim portadores de visto B1/B2 que se encontram em violação dos termos do visto.”(Renata Castro)

A advogada lembra, ainda, que no caso de violação à lei de imigração, o cidadão não tem direito a acesso a advogados, ou seja, o processo imigratório pode ocorrer legalmente sem que o acusado tenha direito a audiência.

Quer saber mais sobre o visto americano de turista? Não deixe de ler nossos artigos sobre os tipos, valores e validade do visto americano e, também o passo-a-passo que explica como solicitar o visto para os Estados Unidos da América.

Marlise V. Montello

Marlise V. Montello

Marlise V. Montello é jornalista. Em 2014, começou a escrever o blog MeusRoteiros.com que tinha uma seção dedicada a assuntos de interesse dos brasileiros residentes no exterior. A seção fez tanto sucesso que a jornalista decidiu criar um novo blog, totalmente dedicado a este público. A ideia é levar informação de qualidade aos brasileiros que, por algum motivo, decidem viver fora do Brasil.

7 comentários em “Visto Americano de Turista: o que é permitido fazer nos EUA?

  • outubro 12, 2015 em 7:32 pm
    Permalink

    Olá Marlise,

    Tudo bem?! Existe a possibilidade de estando nos EUA com o visto de turista, fazer a matrícula em algum curso de inglês ou de negócios e solicitar a troca para o de estudante?

    Li em outro site que a troca para visto de estudante deveria ser feita ainda no Brasil.

    Um abraço!

    Resposta
    • Marlise V. Montello
      outubro 12, 2015 em 8:53 pm
      Permalink

      Olá Vinícius,
      Sim, você pode solicitar a troca do visto de turista por um visto de estudante estando nos EUA sim. Estou escrevendo sobre isto, deve estar no ar ainda esta semana, fica de olho no site e na nossa fanpage que sempre posto lá também (www.facebook.com/vivertrabalhareestudarnoexterior).
      Abs, Marlise V. Montello

      Resposta
  • outubro 12, 2015 em 7:00 pm
    Permalink

    Marlise, depois de passar 6 meses nos Estados Unidos com visto de turista, quanto tempo devo esperar no Brasil pra voltar aos Estados Unidos?

    Resposta
    • Marlise V. Montello
      outubro 12, 2015 em 7:17 pm
      Permalink

      Olá Mari,
      Olha só, até onde sei não há um tempo específico entre uma viagem e outra. Mas, claro, se você fizer isto com frequência, pode chamar atenção do pessoal da imigração e acabar tendo dificuldades p/ entrar no país.
      Abs, Marlise V. Montello

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *